22.5.05

Voltei...

Sou o passado em discussão. Sem nexo, sem obrigatoriedade de salvação, sem senão. Sou o passado estampado na vidraça do vizinho, o poente cravado na montanha de anteontem, a ponte que atravessa o nada para o lugar algum. Sou o vazio.

2 comentários:

sweetkid disse...

Aprecio sua volta. Não que eu busque páginas a navegar, já sou náugrago há muito... mas preciso de bóias. E cá você me lança...

parla marieta disse...

peguei, tô colocando no Parla.
vá bene?